11.2.09

Roubem-me aos olhares envergonhados

Aos sorrisos recatados

A todos os momentos de dor

Alguém que me roube ao amor

 

Roubem-me ao querer dos teus braços

Ao decorar dos teus traços

A este estreito corredor

Alguém que me roube ao amor

 

Roubem-me às doces confissões

Ao bater dos corações

A este quadro sem cor

Alguém que me roube ao amor

 

Roubem-me aos momentos de dor

A este estreito corredor

A este quadro sem cor

Alguém que me roube ao amor. (a menos que me amem).

Link Homem de Lata, às 22:42  Comentar

De Carolina a 11 de Fevereiro de 2009 às 22:48
Homem de Lata.. vais aceitar o meu desafio não vais?? Please.. adorava mesmo ver a tua definição de amor!
Adorei o poema, ou lá como lhe chamas. Está fantástico, como sempre! :)
*AMO OS TEXTOS DO HOMEM DE LATA*

De Homem de Lata a 11 de Fevereiro de 2009 às 22:53
Olá Carolina,

este teu comentário foi quase que imediato:-). Obrigado pela atenção constante. Daqui a nada vou ver se estou à altura do desafio:-)

De Carolina a 11 de Fevereiro de 2009 às 23:11
Se estás á altura?? Isso nem se questiona ;P

De Homem de Lata a 11 de Fevereiro de 2009 às 23:20
Tens de me dar tempo. Beijocas grandes.

De Carolina a 11 de Fevereiro de 2009 às 23:23
ah, nem é assim um desafio tão complicado quanto isso :P
Passa no meu ;)

De susana Rodrigues a 11 de Fevereiro de 2009 às 23:59
Lindo Homem de Lata! O amor está aí nas suas diversas manifestações... não te amam de uma forma amam-te de outra em todos os momentos. Uma braço forte para ti!
susana

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:10
Susana, vindo de ti tem muito valor. Obrigado e beijoca.

De green.eyes a 12 de Fevereiro de 2009 às 09:25
Olá
PARABÉNS. Uma vez mais adorei o teu texto, está lindo.
Beijinhos

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:11
Agradeço o elogio, é muito importante saber que há quem me leia. Beijos:-)

De menina sonhadora a 12 de Fevereiro de 2009 às 13:09
Entro de mansinho neste local encantado onde exaltas as palavras e fazes com que nos preencham o espírito, incitando-nos a vestirmo-nos delas e "viver" cada momento retratado.
Fiquei maravilhada!

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:13
Não vistas as minhas palavras, veste o amor da cabeça aos pés:-) Obrigado e beijos

De Ana a 12 de Fevereiro de 2009 às 15:57
Também estou pedindo que me roubem!
às vezes bate uma solidão!!
às vezes fico louca pensando em paixão!
às vezes... quase sempre
quase a toda hora eu quero amar e mais ainda...
ser amada!
beijos...
estou esperando sua visita!!!lindo texto!
anatonheiro.blogs.sapo.pt

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:15
E quem espera sempre alcança...:-)Jokas

De Ana a 12 de Fevereiro de 2009 às 21:42
obrigada pela visita!
fiquei muito feliz!
me permite que coloque seu blog
no meu link de amigos?
beijos

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:15
Claro, sem qualquer problema.

De Maresia a 13 de Fevereiro de 2009 às 19:33
Homem de lata! Parabéns! Roubem tudo menos o talento a quem cas assim as palavras.

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:18
Se roubassem as palavras, a tvi chamar-lhe ia wordjacking:-) Obrigado e beijos

De marazul a 13 de Fevereiro de 2009 às 22:09
Já tinha saudades dos teus textos... está fantástico ;)

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:18
E eu que tenho saudades do mar...Beijo*

De Sofia a 15 de Fevereiro de 2009 às 01:10
Homem-de-Lata
:`(
quando leio os teus textos sinto que estás muito triste, parece que estás "preso" numa situação sem saída. Existe uma solução para o teu problema? É possível o teu amor? Como gosto dos teus textos, gostaria de ter uma varinha mágica e ajudar-te.
Sofia

De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:30
Não sou uma pessoa triste. muito pelo contrário. Sou feliz só por viver, o que vier só me fará mais feliz. O meu amor é tão impossível quanto todos os amores que ardem sem se ver, cegamente, perdidamente, sinceramente. Nada é impossível tal como nem tudo é fácil mas o tempo é eterno... A tua visita é muito bem-vinda. Beijocas

De Sofia a 18 de Fevereiro de 2009 às 17:34
:-) Obrigada. Eu queria dizer varinha de condão e não varinha mágica, essa serve para fazer sopa ;-).
Eu gosto do teu blog, vir cá é como abrir uma caixa de segredos. Mas ao ler os teus textos dá a sensação que estás refém de uma situação... mas talvez esteja a ser demasiado curiosa. Beijinhos

De Homem de Lata a 21 de Fevereiro de 2009 às 20:24
Então vem todos os dias acalmar a tua curiosidade. Terei muito gosto.jokas

De Pétala De Rosa a 15 de Fevereiro de 2009 às 12:12
" Oi , desculpa invadir assim o teu espaço , sou nova por aki e adorei o teu espaço cheio de vida em todo o caso...digo-te para aceitares o desafio da tua colega , vou gostar de ler ....Voltarei.....!!!!!Sim sem duvida , bom domingo.."


De Homem de Lata a 16 de Fevereiro de 2009 às 23:31
olá, obrigado pela visita. Já aceitei o desafio, espero que gostes realmente. Beijos

 
Posts mais comentados
71 comentários
46 comentários
44 comentários
41 comentários
38 comentários
37 comentários
37 comentários
31 comentários
RSS